Notícias / Educação


Imprimir notícia

21/10/2019 12:12 - Atualizado em 21/10/2019 12:14

Alunos voltam a protestar contra falta de transporte escolar

 

Em apoio aos motoristas de transporte escolar de Arapiraca, Agreste de Alagoas, que estão há seis meses sem receber o seus salários, devido ao não repasse da quantia pela Secretária de Estado da Educação (Seduc), comandada pelos secretário Luciano Barbosa (MBD), estudantes da rede de ensino voltaram a realizar, na manhã desta segunda-feira (21), um grande protesto a fim de que o problema seja resolvido, já que temem, até, perder o ano letivo.

Indignados com a situação, mas de forma pacífica, os manifestantes percorreram a Rua 30 de Outubro, no centro de Arapiraca, com carro de som, faixas e cartazes, sendo um deles com a seguinte frase: "Luto pela Educação".

Em uma entrevista, a estudante Júlia defendeu a greve como a única forma possível de se comunicar com o Governo, que ainda não apresentou data para depositar os salários dos motoristas.

"A gente está fazendo essa manifestação porque a unica forma de a gente falar com o governo é através das mídias. Nossos motoristas estão há seis meses sem salários. A gente precisa do transporte para ir à escola", disse.

Os problemas com transporte escolar têm afetado, também, os estudantes das cidades de Palmeira dos Índios, Taquarana, Belém, Igaci, Maribondo e Estrela de Alagoas, que dependem dos veículos. No dia 23 de agosto, alunos da rede estadual em Palmeira dos Índios chegaram a realizar um grande protesto pela cidade, pelo mesmo problema.


Gazetaweb 


Deixe seu comentário

PREENCHA SEUS DADOS ABAIXO

Suas informações pessoais não serão divulgadas.


Comentários 0

Ainda não há comentários nesta matéria.